Luciaadverse's Blog

agosto 30, 2009

Exposições em BH


Sexta-feira passada, aproveitei a visita de duas amigas em Belo Horizonte e fizemos uma turnê pela cidades atrás de exposições. Para quem reclama da falta de opções em BH, comunico que estamos como uma ótima seleção de mostras.

Começamos com a Casa Fiat de Cultura que fica na Rua Jornalista Djalma de Andrade, 1250 ,Belvedere. Nesse local vimos duas exposições: RODIN: DO ATELIÊ AO MUSEU – FOTOGRAFIAS E ESCULTURAS e O MUNDO MÁGICO DE MARC CHAGALL O SONHO E A VIDA. Na exposição das esculturas do Rodin, diversas fotografias sobre o trabalho do artista documentadas tanto por renomados fotógrafos da época quanto por amadores. O escultor abriu as portas do ateliê para fotógrafos locais, amadores, editoras especializadas em retratos e fotógrafos artistas, que produziram diferentes interpretações de sua obra. É essa diversidade de pontos-de-vista, buscada e encorajada por Rodin, que  estão à amostra na Casa Fiat, a partir da seleção de algumas das 7 mil imagens colecionadas em vida pelo escultor. Os bronzes e o mármore apresentados nesta exposição ressaltam a riqueza do diálogo entre escultura e fotografia. Já Marc Chagall foi um dos pioneiros da modernidade e um dos artistas mais notáveis de seu tempo, tendo participado das grandes transformações que ocorreram nas artes plásticas no início do século 20. Chancelada a integrar o Ano da França no Brasil pelos comissariados francês e brasileiro, a exposição de Marc Chagall reúne 323 trabalhos do artista. Encontramos diversos trabalhos da juventude e da maturidade do artista, além de obras de artistas brasileiros influenciados pelo pintor.

CASA FIAT

Depois fomos ao Museu Inimá de Paula, onde se encontra uma exposição do artista plástico e fotógrafo Vik Muniz. Ficamos impressionadas com a beleza do museu, com a montagem da exposição e com o trabalho do artista. Conhecido por conceber obras feitas com os mais diversos materiais, como geléia, chocolate, lixo e poeira, é o curador da própria exposição. Vik Muniz  homenagea grandes artistas em suas obras, tais como Leonardo da Vinci, no quadro Mona Lisa, Andy Warhol, Pollock , Caravaggio, Goya, Botticelli e Monet. A exposição fica em cartaz até o dia 2 de novembro e com certeza agrada o público de qualquer idade. Abaixo algumas fotos que tirei durante a nossa visita:

Vick Muniz

Em seguida fomos ao Instituto Moreira Salles onde está a exposição do fotógrafo Alécio de Andrade (1938-2003). A exposição com 102 imagens realizadas como trabalho particular ou sob encomenda para veículos como Manchete, Elle, Newsweek e a Agência Magnum, da qual Alécio foi membro associado entre 1970 e 1976. Também integram a mostra itens como um poema de Carlos Drummond de Andrade, um depoimento do pianista Alfred Brendel, cartões postais de Henri Cartier-Bresson e uma carta de Julio Cortázar, todos endereçados ou dedicados ao fotógrafo. A principio a exposição ficaria até o dia 31 de agosto, mas devido a um movimento que acontece em Belo Horizonte em protesto ao encerramento das atividades do Instituto Moreira Salles na cidade, anunciou-se que a exposição prorrogaria até o dia de hoje. Durante nossa visita o funcionário que gentilmente nos recebeu, informou-se que devido ao grande número de pessoas que participaram do abaixo-assinado decidiram prorrogar mais uma vez até o final de setembro. Será que ainda temos esperanças de impedir o fechamento do IMS-BH? Participem do manifesto, cliquem aqui.

ALECIO DE ANDRADE

Encerramos nossa turnê no Palácio das Artes onde vimos 3 diferentes exposições de fotografias:

Galeria Alberto da Veiga Guignard – Exposição Guerra dos Emboabas – 300 anos depois 15 de agosto a 20 de setembro

 

Reúne visões atuais da Guerra dos Emboabas com fotos, ilustrações, reprodução de material iconográfico e publicação de cadernos educativos para serem distribuídos a alunos de escolas. O evento tem o patrocínio da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) e Eletrobrás. É uma pesquisa histórica sobre a guerra que deu origem ao estado de Minas Gerais. Com fotos de Pedro David, veja mais sobre o trabalho visitando o blog do fotógrafo.

 

pedro david Galeria Genesco Murta – Exposição 100 X França07 de agosto a 07 de setembro

 

Com curadoria de Sophie Schmit (historiadora de arte, jornalista e curadora independente), a mostra leva aos visitantes um pouco da história da fotografia francesa, desde sua origem (1839) até os dias atuais. A exposição também faz uma homenagem a uma das primeiras repórteres fotográficas, a francesa Janine Niépce (1921-2007). As 100 imagens escolhidas integram o acervo de três das mais ricas coleções públicas de fotografias existentes no mundo: da Biblioteca Nacional da França, do Museu d’Orsay e do Centro Pompidou, em Paris. Cada uma das imagens é apresentada com um texto que conta a respectiva história da fotografia e do seu autor, da França, dos franceses e de Paris. Participam também o Ministério da Cultura, a Escola Nacional de Belas Artes de Paris, a Fundação Jacques Henri Lartigue, o Estate Brassaï, colecionadores particulares, fotógrafos, artistas ou os seus detentores de direitos autorais. A exposição 100 X França coloca lado a lado obras de gênios como Nicéphore Niépce, Louis-Adolphe Humbert de Molard, Gustave Le Gray, Charles Nègre, Eugène Cuvelier, os irmãos Bisson, Félix Nadar e Eugène Atget. Dos fotógrafos menos conhecidos, há produções de Édouard Baldus, Charles Marville, Auguste Collard e também cópias de amadores anônimos ou célebres como Jacques Henri Lartigue ou o conde Robert de Montesquiou.

FrancaEspaço Mari’Stella Tristão – Exposição Paisagens neuronais | 21 de julho a 1º de setembro

 

Paisagens neuronais, com 70 imagens sobre a evolução do pensamento científico acerca do sistema nervoso humano. As obras são uma coletânea de mais de um século de pesquisas em neurociência ao redor do mundo, em uma apresentação que concilia o conhecimento científico com arte. A exposição chegou a Belo Horizonte depois de passar pela Europa e pelos Estados Unidos. As 70 obras da exposição demonstram a complexidade, mas também a beleza das microestruturas que compõem o sistema nervoso humano. As imagens acompanham textos criados por escritores, pintores e filósofos que ilustram a proximidade entre a ciência e a arte.

Picture 1

O MUNDO MÁGICO DE MARC CHAGALL
O SONHO E A VIDA
Anúncios

agosto 27, 2009

Viva o presente!

Filed under: Fotografia, Meus trabalhos — Lucia Adverse @ 11:39 am

Só existem dois dias no ano em que nada pode ser feito. Um se chama ontem e outro amanhã.
Portanto, hoje é o dia certo para amar, acreditar, fazer, e principalmente viver. (Dalai Lama)

Grecia-2

agosto 26, 2009

Casamento divertido

Filed under: Fotografia — Lucia Adverse @ 3:30 pm

Qualquer fotógrafo se divertiria em fotografar um casamento desses!

agosto 25, 2009

Vale do Travessão (Parque Nacional Serra do Cipó)

Filed under: Dicas — Tags: — Lucia Adverse @ 2:12 pm

No próximo domingo, dia 30 de agosto, programão nos arredores de BH! Passe o mouse sobre a imagem para saber mais detalhes:

vale_do_travessao

agosto 24, 2009

Seminário de direito autoral- Última chamada

Filed under: Dicas, Fotografia — Lucia Adverse @ 11:35 pm

Ultimas vagas! Não perca!

seminario

La Danse du Chaos – Ig Aronovich e Louise Chin

Filed under: Exposições — Tags:, , — Lucia Adverse @ 3:24 pm

No dia 19 de agosto comemora-se o dia internacional da fotografia que nesse ano completou 170 anos. Os fotógrafos Ig Aronovich e Louise Chin encontraram uma maneira inusitada de comemorar o dia na semana passada. “Decidiram homenagear São Paulo com um toque de arte, leveza, graciosidade, e subversão para contrastar com uma realidade dura, suja, e impiedosa”-como relatam no blog de propriedade deles- O que se vê nas ruas de São Paulo é um trabalho de extrema sensibilidade e beleza.

lost_art_dance

03

05

Ig e Louise formam um casal jovem de talentosos fotógrafos que vivem e trabalham em São Paulo. Juntos eles formam o Lost Art. Além do trabalho publicitário, comercial e editorial, documentam com maestria as viagens pelo mundo. Percorrer o site deles é uma ótima e deliciosa diversão.

http://www.lost.art.br

Quando perguntei ao Ig sobre a origem e repercussão desse último trabalho, ele me respondeu:

“La Danse du Chaos é um “work in progress”, ainda não terminamos.

Fizemos exposições em Berlim, Filadélfia, Itália, e Áustria nos últimos anos, e no Brasil acabamos expondo bem menos. Fizemos algumas exposições bacanas, duas no Espaço Cultural Citibank em SP, uma no Iguatemi, e a Lou apresentou 2ND Skin na Daslu, mas comparado com as nossas exposições internacionais, expomos pouco no Brasil.

http://www.lost.art.br/2ndskin_z.htm

Ao invés de batalhar por espaço em galerias e museus em SP, sempre super disputados, levamos nossas fotos para a rua, para um público que não necessariamente frequenta galerias ou museus.

Escolhemos cuidadosamente os locais onde colamos as fotos, dentro do conceito pretendido da dança no caos. As imagens são efêmeras, algumas já não existem mais, enquanto outras continuam no lugar.

Além da nossa ação com fotos na rua, o coletivo SX-70 (polaroids), João Wainer, e Raul Zito, tambem andaram colando fotos por SP:

http://unurth.com/61352

http://raul28.sites.uol.com.br/

SX-70 no blog da Cia (que documentou a ação)

http://ciadefoto.com.br/blog/

Repercussão:

Juxtapoz Magazine:

http://www.juxtapoz.com/Current/la-danse-du-chaos

e

http://www.picturapixel.com/?p=11686

Estamos trabalhando na terceira etapa do projeto, com mais novidades em breve…”

Para quem pensou que se trata de um truque de Photoshop, coloco abaixo, algumas imagens do making off desse fantástico trabalho nas ruas de São Paulo:

dancechaospaste

Veja a segunda parte do projeto colocada hoje no site Lost Art:

http://www.lost.art.br/ladanseduchaos_offthewall

agosto 20, 2009

Narrativa de uma fotógrafa

Filed under: Fotografia — Tags:, , , , — Lucia Adverse @ 11:56 am

Esse dias abri minha caixa postal como de rotina e encontrei um e-mail de uma querida amiga narrando sua experiência fotográfica na Amazônia. Mariana Soares (Maná para os mais íntimos) tornou-se há algum tempo assitente do grande fotógrafo Claudio Edinger. Li atentamente o texto e fiquei imaginando a experiência fantástica pela qual a minha amiga havia passado. Essas expedições fotográficas costumam marcar muito nossas vidas, ainda mais acompanhada de dois profissionais como o Claudio Edinger e o Jay Colton. Não tive dúvida! Interessei-me imediatamente em colocar essa história no blog. Pedi a Maná algumas imagens para ilustrar e é com muita satisfação que transcrevo na íntegra toda a história que minha amiga chamou de depoimento de uma viagem”.

DSC_1030 cópia

Marcada por uma cheia histórica minha primeira viagem fotográfica foi para um lugar que sempre quis conhecer,  Amazônia , com dois  dos  grandes fotógrafos que admiro muito. Claudio Edinger, meu chefe que retrata suas imagens com uma grande formato 4 X 5 com muito esforço e sensibilidade, e Jay Colton, fotógrafo da revista Times em Nova Iorque.

A viagem começa em Parintins ,a ilha de Tupinambaranas, mergulhada no rio Solimões, abriga a cidade de beleza única, mas dividida ao meio entre o vermelho e o azul, as cores dos bois Garantido e Caprichoso, cidade cheia de gente e claro, cheia de água.

Fomos desafiados por muitas cenas de uma vida ordinária que aos nossos olhos passaram a ser extraordinárias, em bares, casas, barcos, festas, por homens, mulheres, crianças e idosos vestidos com simplicidade  humildade e alegria .Eu como assistente do Claudio, estava nessa viagem de  aprendiz, faixa branca , passando por dificuldades em levar o equipamento pesado e delicado pelas ruas de difícil acesso. Jay sempre perto, com dicas e bons conselhos.

Andar, olhar, se comunicar…. aprendi que o interesse pela vida do próximo traz como recompensa uma boa foto. Dias de muito sol, e trabalho, noite de muita festa e trabalho.

Seguimos viagem, escala em Manaus, mudança de planos mais um dia em Manaus, agora o desafio ficou maior. Nos hospedamos no centro da cidade para uma maior intimidade com o lugar  e aproveitar melhor o tempo… cidade também afetada pela enchente, cheiro forte, cheiro de esgoto, carne, peixe, cheiro de gente… sol forte calor sufocante, e fomos buscar as imagens que contam a história de vida das pessoas que moram na capital. Fim do expediente, sozinha , em um quarto de hotel velho e feio, refletia as experiências , no que tinha aprendido , no que podia melhorar,  procurando  minha indentidade nas imagens,…. e graças à Deus dormir.

Sete da manhã a Van sai para nos levar para pegar um barco, para depois pegar uma Kombi, para depois pegar outro barco, atravessar o encontro das águas do Rio Negro e Solimões, a caminho do rio Juma onde ficamos. Ponto alto da viagem, natureza intensa , exuberante, com todos os tons de verde que possam existir. Um lugar que traz a tona os cinco sentidos do corpo humano. O rio também encheu, 17 metros acima do nível, bateu o record de 1953 que foi a maior cheia já registrada.

Macacos, araras, bicho preguiça, cobras, jacarés….mas estavamos lá a trabalho, e fomos buscar as fotos….o barco foi o único meio de tranporte para comunidades ribeirinhas….de novo casas, escolas, igrejas, crianças, e dessa vez os índios foram os protagonistas.

Uma familia de espanhóis foram nossos companheiros na selva. A comida era perfeita… tambaqui, piranha ,pirarucu, faziam parte do cardápio. Aprendi com o Jay a fotografar o céu a noite em longa exposição e gravei o barulho da mata ou melhor a música da floresta.

Hora de acordar, hora de voltar para Manaus…de novo, barco, Kombi, barco, carro, centro…. e caos.

Muito trabalho,  para Claudio e Jay, lá era o lugar preferido de fotografar, para mim foi sofrimento….. empurrava o carrinho e disputava as calçadas que não estavam alagadas  com  carrinhos de crianças,  carrinhos de banana, carrinho de peixe, vendedores , camelôs. A cada parada montava a 4×5 do Claudio, já tinha decorado a sequência… visor, fotômetro, polaroid, chapa…ás vezes troca de lente, ás vezes mudava a sequência, ele ficava nervoso, me deixava tensa,  mas foto saia incrível…

Passamos a viagem nessa rotina, entre uma foto e outra, àgua para refrescar , de preferência de coco, risadas, conversas, dicas de fotos, fazia as minhas fotos, conversava sobre elas,  descobria meu olhar , e aproveitava a viagem.

Fui embora antes da viagem acabar, feliz em estar voltando para São Paulo, digerindo a experiência e grata muito grata pela oportunidade de trabalhar e aprender com Claudio e Jay e viver uma realidade a parte na Amazônia.

Julho /2009

Mariana

DSC_0375 cópia

DSC_0723 ttda cópia

DSC_0890 cópia

DSC_0050 ttda cópia

DSC_1129 ttda

agosto 17, 2009

Lightroom 2- O livro

Filed under: Dicas, Livros de fotografia — Tags:, , — Lucia Adverse @ 4:17 pm

Lightroom 2009

Durante a semana passada estive pela 1ªvez na Photoimage Brazil. Na quarta-feira tive o prazer de ir ao coquetel de lançamento do livro Adobe Photoshop Lightroom 2 do meu amigo Clicio Barroso. O coquetel foi no stand da Editora Photos onde o autor deu uma pequena demonstração  ao vivo do programa conforme vocês podem ver nas imagens abaixo. O novo livro vem  assim como anterior, com uma diagramação bacana, didática, de fácil leitura e consulta. Com 10 capítulos, 262 páginas e mais de 500 imagens ilustra bem os avanços do Lightroom 2.0. O livro é para ser usado como referência-já que não há nenhum manual em Português- permitindo assim a consulta direta dos capítulos correspondentes. Várias dicas acompanham cada capítulo, e alguns truques que podem acelerar o trabalho estão por todo o livro. O mais bacana são as ferramentas de uso localizado, que permitem a criação de máscaras para ajustes em pequenas partes da foto, facilitando a edição e processamento da imagem. No final do livro ainda tem um quadro com as teclas de atalho. Com certeza vale muito `a pena o investimento e tê-lo sempre à mão para alguma dúvida. Já adquiri o meu  e retornei de São Paulo com  o meu livro autografadíssimo!

©Lucia Adverse 2009. All rights reserved.

©Lucia Adverse 2009. All rights reserved.

Agora…quer ganhar o livro? Então participe da promoção!

Eu quero ganhar o livro Lightroom 2

Picture 1

agosto 16, 2009

CASA COR MINAS GERAIS NA PAMPULHA

Picture 2

Os 15 anos da Casa Cor Minas Gerais terão um palco de gala: a Pampulha, região nobre da cidade, e um dos cartões postais de Belo Horizonte. O evento, que será realizado de 19 de agosto a 4 de outubro, ocupará duas casas de épocas diferentes, localizadas na orla mais charmosa e sofisticada da capital mineira, entre o Iate Tênis Clube e a Casa do Baile, dois projetos assinados pelo arquiteto Oscar Niemeyer.

Serão cerca de 130 metros de frente para a Lagoa, de onde se tem uma vista majestosa do antigo Cassino, hoje Museu de Arte Moderna.  A obra de Niemeyer é cercada pelos jardins de Roberto Burle Marx, cujo centenário de nascimento será comemorado com homenagens na Casa Cor.

Os projetos dos 85 profissionais participantes, que idealizarão os 64 ambientes da mostra, com certeza estarão à altura do entorno, confirmando a excelência do trabalho dos arquitetos, decoradores e paisagistas mineiros.

Na cozinha Gourmet, ambiente da profissional Gislene Lopes, terá uma plotagem de 142,5X190cm de minha autoria. Gislene é uma profissional que já está há 21 anos no mercado e desenvolve projetos de design de interiores e arquitetura. É uma profissional atualizada e se destaca pelo seu estilo moderno e inovador. No mês passado me fez o convite e aceitei de imediato. Abaixo mostro algumas perspectivas executadas pelo escritório da decoradora. Assim que inaugurar a mostra retorno aqui com as fotografias do ambiente devidamente autorizadas.

cozinha gourmet 04

Estante Brumol 5

À princípio selecionamos uma fotografia que fiz da escada da Academia de Atenas (ou Biblioteca de Atenas), Grécia. Analisando a perspectiva, cheguei a conclusão que aonde havia aberturas vazadas na estante não favorecia a imagem. Então optamos por uma foto que fiz do teto da Galeria Vittorio Emanuele II, Milão, Itália. De acordo com a idéia de Gislene de colocar uma plotagem no fundo da estante, essa imagem encaixou  perfeitamente com o grafismo das circunferências.

Estante Brumol 01-2

Fiquei muito feliz com o resultado do trabalho e espero ainda fazer muitas parcerias com outros profissionais. Esse post foi autorizado pela profissional Gislene Lopes que executou o projeto da cozinha gourmet.

Parceiros e patrocinadores da Casa Cor Minas Gerais

Picture 1

agosto 15, 2009

Pedalando no Topo- Só com palavras não dá pra explicar …

Filed under: Dicas — Tags:, — Lucia Adverse @ 9:57 pm

Como ninguém é de ferro, fotógrafo também tem que exercitar, manter o corpo e mente saudáveis!

Hoje participei da 6ª edição do Pedalando no Topo. Sucesso desde 2004, o evento é considerado um dos maiores e mais bonitos de “indoor cycle” do mundo. Aconteceu no Parque da Serra do Rola Moça, arredores de Belo Horizonte, município de Brumadinho, com várias aulas entre 9h30 e 17 h. Reunir dezenas de academias em ambiente descontraído e harmonioso, favorecendo a interação entre seus membros, tornou-se marca registrada do Pedalando No Topo. As melhores academias de Belo Horizonte participaram do evento e contou com a presença de dois dos melhores professores do “indoor cycle” do mundo, os italianos Alessandro Bensi e Alfredo Venturi, além dos experientes professores Ailton Moreira, Johny Oliveira, Luiz Mello, Rodrigo Fonseca, Sádia Campos e Vinícius Rafael.

O maior evento de “indoor cycle” da América Latina é também sinônimo de consciência ambiental e realizou uma importante ação ambiental por intermédio dos colaboradores do Projeto Sementes do Parque Rola Moça. As ações envolveram doações de mudas e sementes de espécies nativas da região, coleta seletiva e oficinas, além de importante ação de Educação e Conscientização Ambiental, coordenada por biólogos e ambientalistas do Projeto.

O lugar conforme vocês podem ver nas imagens é lindo e merece todo o esforço para conservação e manutenção. Registrei de uma câmera compacta enquanto pedalava.

©Lucia Adverse 2009. All rights reserved.

©Lucia Adverse 2009. All rights reserved.

©Lucia Adverse 2009. All rights reserved.

Veja o restante:

http://luciaadverse.com.br/pedalandonotopo

agosto 14, 2009

Foto em Pauta

Filed under: Dicas — Tags: — Lucia Adverse @ 4:11 pm

Não percam!

foto em pauta

agosto 13, 2009

Comercial vencedor de Cannes (2009)

Filed under: Fotografia — Lucia Adverse @ 8:32 am

Este “filme” foi eleito o comercial do ano de 2009 em Cannes. Criado pela agência Tribal DDB, de Amsterdã, conta a história de um suposto assalto e seu respectivo desfecho. Tudo para vender o produto Philips com tela 21:9.

Vale a pena conferir!

Picture 7

agosto 10, 2009

DEFICIÊNCIAS-Mario Quintana

Filed under: Poesias-Pensamentos-Frases-Reflexões — Lucia Adverse @ 9:48 am

image001.

agosto 8, 2009

Santos: um olhar sobre a cidade

Filed under: Livros de fotografia — Tags:, — Lucia Adverse @ 8:04 pm

LIVROS DA IMPRENSA OFICIAL SÃO RECONHECIDOS EM PRÊMIO INTERNACIONAL

O livro Santos: Um olhar sobre a cidade, o catálogo Palavras sem fronteiras, feito para a exposição do Museu da Língua Portuguesa, e o calendário Fotógrafos franceses em São Paulo na primeira metade do século XX, todos editados recentemente pela Imprensa Oficial do Estado de São Paulo e impressos em sua gráfica, ganharam menção honrosa no Premier Print Awards. Eles foram escolhidos entre os mais de 3.600 trabalhos inscritos no tradicional prêmio da Printing Industries of America, a maior associação comercial de artes gráficas, congregando mais de 10 mil empresas e que tem sede em Washington, nos Estados Unidos. Além da Imprensa Oficial, outras duas empresas brasileiras foram reconhecidas no prêmio internacional: a Facform Impressões, pelo calendário de Renato Filho, e a Burti, pela revista MAG (número 11).

“Essa premiação é o reconhecimento ao trabalho de nossos quase mil funcionários que se empenham dia e noite, do planejamento editorial ao acabamento dos nossos produtos gráficos”, comenta Hubert Alquéres, presidente da Imprensa Oficial do Estado de São Paulo.

O calendário 2009 da Imprensa Oficial foi o primeiro produto gráfico lançado para as comemorações do Ano da França no Brasil e traz cenas cotidianas da cidade de São Paulo na primeira metade do século XX flagradas pelos fotógrafos franceses Pierre Verger, Marcel Gautherot, Jean Manzon e pelo antropólogo Claude Lévi-Strauss. Foi editado nas versões parede e mesa.

Já o livro Santos: um olhar sobre a cidade reúne 162 fotos feitas pelo fotógrafo Ernesto Papa durante três anos na cidade paulista de Santos sob ângulos geralmente inacessíveis aos moradores e visitantes, muitas realizadas em tomadas aéreas. Lançado em parceira com a Prefeitura Municipal de Santos e em edição bilingue, o livro conta ainda com textos do jornalista João Batista de Macedo Mendes Neto e a concepção gráfica e editorial do fotógrafo e crítico Juan Esteves.

Em 2009, o Museu da Língua Portuguesa abrigou a exposição Palavras sem fronteira, com base no trabalho do embaixador Sérgio Correa da Costa e que apresentava palavras que transitam por diferentes idiomas sem perder seus significados originais. A Imprensa Oficial foi responsável pela edição do catálogo da mostra.

Mais informações para a imprensa com Maria Fernanda Rodrigues (Lu Fernandes Escritório de Comunicação) pelo telefone (11) 3814.4600

Mark Seliger-The Music Book

Filed under: Livros de fotografia — Tags:, , — Lucia Adverse @ 11:10 am

image001

agosto 6, 2009

Verso/Reverso

Filed under: Exposições, Fotografia — Tags:, , — Lucia Adverse @ 1:24 am

Picture 12

Desde o dia 4 de agosto está em cartaz na Arte Plural Galeria, Recife, Pernambuco, a mais recente exposição do fotógrafo Clício Barroso. Atualmente no Brasil é impossível para quem estuda ou trabalha com fotografia nunca ter ouvido falar do Clício. Considerado o mago do Photoshop e Lightroom, administra cursos e workshops por todo Brasil. No último dia 3, lançou na Livraria Cultura em São Paulo, seu 3º livro, o ” Adobe Lightroom 2″. Para mim sempre foi o meu maior mestre no assunto, praticamente todo o meu conhecimento sobre o programa Lightroom da Adobe devo à ele. As 20 ampliações, giclée prints em papel Hahnemühle Rag Satin (as maiores, de 1.55m por 1.10m) e Hahnemühle Rag Bamboo (as menores, de 60×80cm), Clício fala do ideal de mulher construído pela mídia. Segundo Clício no seu blog, a montagem da exposição está impecável. Lamento minha ausência na abertura da exposição e ainda não ter visto de perto as suas belas ampliações desse mais novo trabalho. Tenho um carinho muito grande por esse meu mestre e sempre fiz questão de estar presente em suas bem merecidas conquistas.

Se quiserem conhecer um pouco mais sobre o trabalho dele entrem no seu site: www.clicio.com.br

Picture 14

A exposição teve a curadoria da jornalista Simonetta Persichetti, mestre em Comunicação e Artes e doutora em Psicologia Social. Simonetta escreve sobre fotografia há 30 anos, colaborou com revistas como Íris Foto e Paparazzi. Publicou dois livros: Imagens da Fotografia Brasileira 1, em 1997 e, Imagens da Fotografia Brasileira 2, em 2000.

Escreve o blog “tramafotografica”.

Escreveu o seguinte texto sobre a exposição do mestre Clicio:

Picture 15

Belo é feio/Feio é belo

Os conceitos de belo e feio sempre interessaram filósofos e artistas da sociedade ocidental. Visto um em contraposição ao outro, até mesmo no âmbito moral, o belo e o feio permeiam nossos pensamentos. E aparecem agora, também aqui, nesta exposição de Clício Barroso; “Verso/Reverso”. Não são imagens artísticas, mas fotos que pertencem ao campo da mídia, da publicidade. Corpos que nos trazem algo muito caro à nossa época que é a possibilidade de “recriar” o próprio semblante. Máscaras que se apresentam da mesma forma tratadas para apresentar o belo e tratadas para nos apresentar o feio. Em discussão, um corpo mediático. Já disse o professor Ernesto Boccara (da Unicamp), no prefácio do livro “O corpo como suporte da arte”, de Beatriz Ferreira Pires: “o corpo natural, em simbiose com os sistemas naturais, condicionado exclusivamente ou prioritariamente por ciclos biológicos, não existe mais como o conhecíamos. Tornou-se signo condicionado pela dinâmica das mídias, ou seja, tornou-se construção cultural”. Rostos que a mídia foi banalizando, esculpindo, criando, busca de uma singularidade que transformou tudo em igual. Rostos que, assim como Narciso, foram condenados ao amor impossível de ser alcançado visto que nos apaixonamos por imagens.

As fotografias aqui mostradas por Clício nos remetem à beleza de consumo, como a definiu o semiólogo italiano Umberto Eco, em seu livro “História da Beleza”. Ideais de beleza propostos pelo consumo comercial. Banalização de um ideal. Não é novo este tema, visto que a bruxas criadas por Shakespeare em Macbeth já gritavam: “Belo é feio, feio é belo”.

Simonetta Persichetti

agosto 4, 2009

VIDEO INTERESSANTE

Filed under: Fotografia — Lucia Adverse @ 5:20 pm

NESTE COMERCIAL, AS CENAS FORAM FILMADAS A PELO MENOS MIL FOTOGRAMAS POR SEGUNDO (para captar em velocidade normal, filma-se a 24 f./seg.).

ASSIM, PASSAMOS A ENXERGAR DETALHES NUNCA ANTES VISTOS.

ALÉM DE CURIOSO É TAMBEM BELO, E PARA COMPLETAR, A MENSAGEM FINAL É EXTREMAMENTE IMPACTANTE E NOS PÕE A PENSAR, O QUE É SEMPRE BOM EM UM FILME PUBLICITÁRIO.

agosto 3, 2009

SEMINÁRIO DIREITO AUTORAL NA FOTOGRAFIA BRASILEIRA

Filed under: Fotografia — Tags:, — Lucia Adverse @ 10:43 pm

SEMINÁRIO DIREITO AUTORAL NA FOTOGRAFIA BRASILEIRA

31 de agosto – Teatro da Cidade

Belo Horizonte/MG

Você sabe o que a legislação brasileira diz a respeito dos direitos autorais sobre a obra fotográfica?

Sabe diferenciar direito moral, patrimonial e direito de imagem?

Como os bancos de imagem e as agências de fotojornalismo vem trabalhando a questão da cessão do uso de imagem nos dias de hoje?

Você conhece as diferentes formas de licenciamento de uso de uma imagem fotográfica?

Sabe o que é creative commons?

Sabe como trabalham os coletivos fotográficos?

Como a forma de licenciamento e o tipo de veiculação da imagem afetam a formação do preço do trabalho fotográfico?

Debater assuntos como estes é a proposta do seminário “Direito Autoral na Fotografia Brasileira”, que a Regional/MG da Associação de Fotógrafos Fototech trará a Belo Horizonte, no dia 31 de agosto de 2009.

Importantes nomes da fotografia nacional irão se encontrar na capital mineira para tratar de um dos mais importantes temas de nosso mercado.

O seminário acontecerá no Teatro da Cidade, à Rua da Bahia 1341 (próximo ao Terminal de Conexão Rodoviária ao Aeroporto de Confins.

Programação:

* 08:30hs: Abertura e recepção aos participantes

* 09hs: Os direitos autorais e a obra fotográfica no Brasil de hoje.

Palestrante: Dr. José Roberto Comodo Filho (SP), fotógrafo e advogado especialista em Direitos Autorais e sócio-proprietário da Riguardare – Scuola di Fotografia

* 10:30hs: O cenário atual para os bancos de imagem e agências de fotojornalismo.

Palestrante: Eneraldo Carneiro (RJ), fotógrafo, fundador e diretor da Agência Documenta fotojornalismo e documentação, empresa voltada para a prestação de serviços de fotografia e banco de imagens.

* 12 às 14hs: Almoço

* 14hs: Os coletivos fotográficos, autoria fotográfica e o creative commons.

Palestrantes: Leandro Caobelli (Garapa) e Pio Figueiroa (Cia de Foto) / (SP), ambos fotógrafos e integrantes de dois dos mais expressivos coletivos fotográficos brasileiros.

* 15:45hs: A formação do preço do trabalho fotográfico

Palestrante: Clicio Barroso (SP), fotógrafo e presidente da Associação de Fotógrafos Fototech

* 16:30hs: Intervalo (coffee-break)

* 17hs: Mesa-redonda e debate com os participantes do seminário

* 18:30hs: Encerramento

O seminário contará ainda com a presença da empresa DigiFlash, fabricante dos melhores equipamentos nacionais de iluminação de estúdio. Pela primeira vez em Belo Horizonte, a DigiFlash terá um stand montado na galeria anexa ao espaço destinado ao evento, onde estará demonstrando seus últimos lançamentos e oferecendo seus produtos em condições especiais, exclusivas para os participantes do seminário. Além disso, ela promoverá um ótimo sorteio para estes mesmos participantes ao final do evento.

Para inscrever-se você pode fazer o download da ficha de inscrição no site da Fototech, no endereço www.fototech.com.br/pagina.php/216 ou solicitar a mesma pelo e-mail minas@fototech.com.br

Investimento para participação no seminário:

R$ 120,00 (público em geral)

R$ 80,00 (associados Fototech)

* Condições especiais para os interessados que fizerem inscrição conjunta no seminário e no workshop “Direito do Autor”. Promoção válida para inscrições solicitadas até o dia 07 de agosto. Informações sobre este workshop podem ser obtidas no endereço www.fototech.com.br/pagina.php/220

Para dúvidas ou maiores informações, enviem mensagem para o e-mail minas@fototech.com.br

Flyer do seminário:

Webflyer-Seminário-1

O Semeador de Estrelas – uma foto em dois tempos

Filed under: Fotografia, Poesias-Pensamentos-Frases-Reflexões — Lucia Adverse @ 3:08 pm

O “Semeador de Estrelas” é uma estátua que está em Kaunas, Lituânia.
Durante o dia pode até passar despercebida, como mostra a foto.
Um bronze a mais, herança da época soviética:

image001222221

Mas quando a noite chega, a estátua justifica seu título.
Com a escuridão seu nome passa a fazer sentido.
Vejam então a foto tirada à noite:

image002133312

O efeito de luz e sombra semeia as estrelas.

agosto 1, 2009

PhotoImageBrazil 2009

Filed under: Dicas, Fotografia — Tags:, — Lucia Adverse @ 2:17 pm

Picture 3

Nos dias 11,12 e 13 de agosto acontece a maior feira de fotografia do Brasil, a Photoimage Brazil. Eu já fiz a minha inscrição e você?

O evento , considerado o maior do segmento entre todos da América Latina, este ano completa sua 17ª edição. A tradicional feira de tecnologia de imagem, no Centro de Exposições Imigrantes, é famosa por trazer os maiores profissionais de cada categoria. A novidade em 2009 é que, para rivalizar com os equipamentos em exposição nos pavilhões, há um fórum com importantes nomes da fotografia. A tarefa deles será mostrar o que fazer com tanta tecnologia. O fórum traz dois brasileiros de renome: os paulistanos Bob Wolfenson e Marcio Scavone. E os bem sucedidos no mercado Fabrício Bolfarini e Everton Rosa.

Palestrantes

Bob Wolfenson atualmente é considerado por muitos como um dos maiores fotógrafos publicitarios da América Latina. Fotografou dezenas de top models, fez muitas campanhas publicitarias importantes. Foi responsável por vários ensaios para a Playboy e diversas capas e editoriais de moda. Em 2004 realizou a exposição Antifachada – Encadernação Dourada no  Museu de Arte Brasileira da Fundação Armando Álvares Penteado, e suas fotos passaram a pertencer a diversas coleções, museus e instituições de arte.

Picture 6

Marcio Scavone é um dos maiores e mais conhecidos retratistas do Brasil. É autor dos livros “E Entre a Sombra e a Luz”, “Luz Invisível”, “A Cidade Ilustrada“ e “Viagem à Liberdade” um livro e exposição sobre a presença japonesa em São Paulo, foi publicado em forma de ensaio na National Geographic Magazine conquistando o prêmio de melhor texto e foto de material gerada fora dos EUA. No seu estúdio, Scavone dedica-se à fotografia publicitária, editorial e a projetos pessoais. Por suas lentes já passaram Oscar Niemeyer, Pelé, Fernanda Montenegro, Burle Marx, Jô Soares, Caetano Veloso, Fernando Henrique Cardoso entre outros.

Picture 17

Entre as atrações internacionais estão Mark Seliger, Marcus Bell, Wolfgang Abendroth e o “quase” estrangeiro George Uenishi. Esse último,paulistano, fundou em Nova York sua conceituada empresa Digital Plus, também na area de soluções e imagem.

Mark Seliger é norte-americano e foi por dez anos chefe de fotografia da revista Rolling Stone. Estará lançando o seu livro “The Music Book” durante a feira e autografando. Reserve o seu no site da PhotoImage:

http://www.photoimagebrazil.com.br/

mark_seliger_rollingstone_s

Na palestra – “Celebridades através das lentes de Mark Seliger” -, ele pretende desvendar alguns de seus segredos sobre as fotos de famosos. Radicado em Nova York, ele adianta que procura “entender as motivações dos artistas e permanecer em sintonia com seus fotografados” .

Marcus Bell é australiano e foi considerado no ano passado o melhor fotógrafo de casamento do seu país,  irá abrir o Fórum com a palestra  “tecnologias e tendências na fotografia de casamento”.

Picture 10

Aliás, casamento será o tema do 1º dia do congresso, 11 de agosto, “Casamento de A a Z”.

Veja mais detalhes e toda a programação no site da Photoimage Brazil:

www.photoimagebrazil.com.br

Wolfgang Abendroth é alemão e  falará sobre “O Desenvolvimento do Mercado Fotográfico: O Impacto dos Fotolivros e a Crescente Influência dos Quiosques”.

Na segunda-feira, antecedendo a feira, a organização da PhotoimageBrazil, organizou um workshop com o fotógrafo Marcus Bell. Com tradução simultânea, será um workshop com “TÉCNICAS BÁSICAS e AVANÇADAS DE LIGHTROOM – FLUXO DE TRABALHO E CRIAÇÃO DE OBRAS DE ARTE. Veja mais detalhes e faça sua inscrição clicando na figura abaixo:

fotos_workshop

A organização da Photoimage Brazil espera que esse ano tenha um público em torno de 30 mil visitantes. Cerca de 130 expositores, dentre os quais marcas importantes do segmento, como Sony, Canon,HP e Samsung, receberão o público com suas novidades em serviços e equipamentos.

FÓRUM
Inscrições online: http://www.photoimagebrazil.com.br
e-mail: forum@photoimagebrazil.com.br 
skype: forumphotoimagebrazil
msn: forumphotoimagebrazil@hotmail.com

Telefone para informações: (11) 5051-1136

Local: Centro de Exposições Imigrantes – Rodovia dos Imigrantes, km 1,5
OBS.: Proibida a entrada de menores de 16 anos

Para mais informações à imprensa:
Antonio Alves
Coordenador de Comunicação
Reed Exhibitions Alcantara Machado
E-mail: antonio.alves@reedalcantara.com.br 

MD Assessoria & Comunicação
Daniela Guapo – dani@mdassessoriacom.com.br
Cacalo Oliver – cacalo@mdassessoriacom.com.br
Márcia Dadamos – marciadadamos@uol.com.br
Tel.: (11) 2679-1827
Cel.: (11) 9919-1384 e 9961-6273

Picture 20

O Desenvolvimento do Mercado Fotográfico:
O Impacto dos Fotolivros e a Crescente Influência dos Quiosques.A organização da Photoimage Brazil espera que esse ano tenha um público em torno de 30 mil visitantes. Cerca de 130 expositores, dentre os quais marcas importantes do segmento, como Sony, Canon,HP e Samsung, receberão o público com suas novidades em serviços e equipamentos.

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.